quinta-feira, 5 de julho de 2012

Kyogen - O tradicional teatro cômico japonês

Como a Fundação Japão está trazendo um grupo de Kyogen para o Brasil para realizar dois espetáculos na próxima semana, escrevi este post para eu me inteirar mais sobre o assunto e passar mais informações sobre essa espetacular arte teatral. Semana que vem posto mais fotos! Maiores informações no link da Fundação.


O Kyogen (狂言) é um estilo dentro do teatro tradicional japonês desenvolvido a partir do Noh. Ambos foram desenvolvidos paralelamente no século XIV durante o período Muromachi, embora sua origem esteja relacionada às performances artísticas da China que foram adaptadas pelos japoneses no século VIII, período em que ocorreu grande intercâmbio cultural entre as duas nações. Atualmente, tanto o Kyogen quanto o Noh estão englobadas em um estilo de arte chamada de Nogaku.



O Kyogen é um teatro na qual a principal característica é o impacto sobre o público de forma bem humorada e coloquial em temas do cotidiano. Em grande diferença com o Noh, o Kyogen utiliza temas do dia-a-dia de pessoas comuns na sociedade feudal, superstições populares ou contos folclóricos, ao invés de temas históricos ou mitológicos, utilizando-se de um vocabulário carregado por coloquialismos do período Muromachi e bastante ênfase nos gestos dos atores.


Anteriormente, o Kyogen era atuado entre os interlúdios das cenas em peças de Noh e por esse motivo, é bem breve. O termo Kyogen foi dado por um dos fundadores do teatro Noh, Kwanami.

Atualmente, o Nogaku é considerado como Patrimônio Cultural Intangível da Humanidade pela UNESCO desde 2001.


MÁSCARAS

Pelo fato dos atores do Kyogen realizarem realizarem suas expressões com seus próprios rostos, as máscaras não se desenvolveram tanto como no teatro Noh. Apesar de quase não se usarem máscaras, o Kyogen possui aproximadamente 20 tipos diferentes de máscaras que incluem desde idosos e mulheres até personagens não-humanos como fantasmas, demônios, espíritos de animais e plantas, sendo que todos possuem um sorriso no rosto e expressões bem exageradas, levando o público à gargalhada.

A máscara de Usofuki aparenta uma pessoa assobiando. Este representa os espíritos dos cogumelos e dos mosquitos
Máscara de Kitsune (raposa)

A máscara de Nobori-Hige também é utilizada no teatro Noh. Esta máscara interpreta um deus e seu sorriso sem dentes dá um tom de bondade humana ao seu papel sagrado no Kyogen
A máscara Oto representa uma mulher feia

Apesar de não muito assustador, essa máscara representa o demônio Buaku



ROUPAS

Os trajes utilizados no Kyogen são padronizados e representam as roupas simples dos cidadãos daquela época medieval, apesar de incorporar formas e desenhos não convencionais. Em comparação com o teatro Noh, as roupas utilizadas no Kyogen são mais simples e leves, sendo que cada peça é utilizada por personagens diferentes.





TIPOS DE PEÇAS DE KYOGEN

O Kyogen é um teatro baseado em palavras auspiciosas, sátira e humor, usando a vida de populares como tema principal, sendo baseada principalmente nos diálogos, dando grande importância às palavras. Esta arte simplificou roupas, adereços, produção de palco e tipos de personagens, mas em contrapartida, suas máscaras e o jogo de palavras foram bastante refinados, sendo o entretenimento oficial durante o Período Edo. Podemos chamá-la então de "arte das palavras".

Existem aproximadamente 260 peças no repertório Kyogen. Dentre os personagens principais, está o servo Taro Kaja. No Kyogen, todos os personagens possuem grande coração e características fortes. As peças podem ser divididas em categorias de acordo com os personagens que abrangem: como mulheres (onna), deuses da fortuna, agricultores, senhores feudais (daimyo), os servos Taro e Jiro Kaja, demônios (oni), guerreiros, monges (shukke), cegos (zatto) e ladrões.

Nenhum comentário:

Postar um comentário